Agropecuarista brasileiro e segurança são executados a tiros

Dourados - MS, 9 de agosto de 2017


Duplo homicídio na fronteira (Foto: Porã News)

Agropecuarista brasileiro e segurança foram mortos a tiros em caminho vicinal, próximo a cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã.

De acordo com a polícia, Rodrigo Belló, de 35 anos, que estava acompanhado pelo segurança identificado como o paraguaio, Julio Cesar Gimenez, de 40 anos, seguiam numa caminhonete Toyota prata de Bonito, quando foram alvejados pelos pistoleiros e morreram no local.

Agentes da Divisão de Homicídios apoiados pela promotora de justiça Katia Uemura e pelo medico legista Cesar Gonzalez, acompanhados pelos agentes da Policia Técnica, encaminharam o corpo das vitimas ao Instituto Médico Legal (IML).

De acordo com o Porã News, Rodrigo seria proprietário de uma fazenda localizada a uns mil metros do local da execução. A polícia acredita que ele e o segurança seguiam para a cidade, quando parou para conversar com as pessoas que atiraram.

Informações ou denúncias que possam ajudar o trabalho policial, devem ser repassadas pelos telefones: Polícia Militar: 190; Polícia Rodoviária Federal: 191; SIG: 3411.8080; DOF: 3411.8080; Defron: 3410.4800; Polícia Federal: 3410.1700 e 3420.1757; Polícia Civil – 1º Distrito Policial: 3411.8060; Polícia Civil, 2º Distrito Policial: 3424.6911 e 3424.5633, Guarda Municipal: 199; Polícia Militar Ambiental (PMA): 3357-1500– 9905-7763 – vivo – WhatsApp/ 9106-8628 – Claro / 8171-4270 – (Tim)/ 8475-0553 (Oi).

Fonte: Dourados Agora

0 Comentários

Envie seu Comentário

Antes de escrever seu comentário, Atenção! O MSAtual não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!