sexta-feira, setembro 21

Pabllo Vitar rompe com empresário que anunciou apoio a Bolsonaro

Pabllo Vittar anunciou o fim de sua parceria com a marca de sapatos Victor Vicenzza, cujos produtos vinha divulgando.

O dono da grife manifestou apoio público a Bolsononaro. O caso ganhou repercussão na internet e motivou um desabafo de Pabllo em sua conta do Instagram.

Desde o início da minha carreira, sempre soube que seria muito difícil conseguir apoio de marcas que queriam se relacionar com uma artista LGBTQIA+ drag que sou. Muitas portas se fecharam, mas algumas se abriram e com isso trabalhei até então com parceiros que sou muito grata. Deixo aqui meu agradecimento de apoio até agora, mas não poderia aliar meu trabalho a um discurso que deixa claro não se importar com os diretos humanos de toda comunidade LGBTQIA+. da qual faço parte. Adianto que foram produzidos alguns trabalhos já finalizados e distribuídos digitalmente desse meu novo álbum, que contém peças de marcas que, a partir de agora, não vinculo mais a minha imagem.

Nossa luta pela igualdade, pelos direitos e pela diversidade da comunidade LGBT é muito dura para deixarmos qualquer pessoa/empresa usá-la para ganhar dinheiro e depois se voltar contra nós mesmos. Somos uma só comunidade, um só objetivo e um só coração. Um coração que abriga todas as cores, ritmos, estilos e cultura. Somos fortes e por isso temos que sermos espertos para não sermos usados em vão!

Vicenzza ganha dinheiro com o público gay, mas é um homofóbico enrustido, analfabeto político e toma água da privada.

“Acredito que Bolsonaro é o único candidato que apropriado para liderar a nação”, escreveu nas redes sociais.

“Quero deixar claro minha opinião. Para que a minha, ou qualquer outra empresa, continue operando de forma sustentável, é necessário lutar contra todas as ideologias socialistas e comunistas que invadiram nosso país.”

Obrigado pela sua participação!