seg. nov 11th, 2019

Atualização de Nest Hub localiza dono sem usar câmera

Vinicius Szafran, editado por Liliane Nakagawa

Além da função, Google adicionou outras utilidades ao dispositivo

O Google anunciou hoje (6) uma atualização para o Nest Hub e o Nest Hub Max. A novidade adiciona um sensor ultrassônico para saber onde o usuário está. A empresa confirmou que iniciou o uso do sistema para ambos os dispositivos.

sensor de ultrassom é uma espécie de “gambiarra” para o Nest Hub, porque o dispositivo original (Google Home Hub) não possui câmera. Com uso de sons de alta frequência, o display pode identificar se o usuário está no mesmo ambiente que ele, além de sua posição aproximada. O aparelho então usará essa informação para ajustar sua interface. Por exemplo, caso o dono esteja mais longe do Nest Hub, ele aumentará o tamanho de suas fontes para torná-las mais legíveis. O mesmo acontecerá com uma variedade de cards informativos. No caso de cards sobre o clima, o Nest Hub mostrará apenas o essencial se seu dono estiver distante, e mais informações caso se aproxime.

Essa atualização também permite ao Nest Hub usar as chamadas “notificações proativas”. O Google introduziu esta funcionalidade com o Nest Hub Max, a qual apresentava cards especificamente para a pessoa que passasse em frente ao display. Sem uma câmera para identificar quem está olhando para o dispositivo, não haverá exibição dessas notificações como acontece no modelo Max. Em vez disso, o aparelho trará apenas notificações que estão disponíveis para todos na residência. O presente sensor ultrassônico é uma maneira de usar todas essas funções, enquanto mantém privado o interior da casa.

Para quem possui um Nest Mini ou um Nest WiFi, essa função já está disponível para uso, mas o fato de estes aparelhos não possuírem uma tela torna o recurso mais limitado. Eles irão acender suas luzes indicadoras quando o usuário passar a mão na frente do dispositivo, para que seja possível enxergar em qual ponto tocar para ajustar uma configuração.

Mais  Novo tipo do vírus HIV é descoberto pela primeira vez em 20 anos

Os sons de alta frequência serão emitidos pelos alto-falantes do Nest Hub, e o resultado será captado por seus microfones. Além disso, os ruídos, segundo a empresa, não serão prejudiciais aos animais. Apesar de audíveis para cães e gatos, o som será similar a barulhos comuns de uma casa, como a de uma geladeira.

Via: Engadget

Fonte: Olhar Digital