CNN processa Trump por revogar credencial de repórter

A emissora norte-americana “CNN” entrou com um processo contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pela revogação da credencial de seu correspondente na Casa Branca, Jim Acosta.

O mandatário e o repórter discutiram durante uma coletiva de imprensa na última quarta-feira (7), um dia após o Partido Republicano ter perdido o controle da Câmara dos Representantes para os democratas.

Acosta questionara se Trump havia “demonizado” os migrantes que rumam em caravana para a fronteira entre México e EUA. O presidente respondeu acusando o jornalista de ser um “inimigo do povo” e o chamando de “grosseiro” por ter insistido em fazer perguntas.

Em seguida, Acosta teve sua credencial revogada pela Casa Branca. A CNN acusa Trump e funcionários do governo de violarem a primeira e a quinta emendas à Constituição, que protegem a liberdade de expressão e de imprensa.

Além disso, cobra o restabelecimento da credencial de Acosta. O caso corre na Corte Distrital Federal de Washington. (ANSA)

Fonte: MSN

Notícias parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *