Encontrada nova ‘superterra’ próxima ao nosso planeta

Uma nova “superterra” foi descoberta na órbita de uma estrela vizinha do sistema solar: um mundo “frio e escuro”, não adequado à vida como a conhecemos, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira na revista Nature.

Este planeta, batizado provisoriamente “Estrela de Barnard b”, foi detectado na constelação de Ofiúco, em volta da estrela de Barnard, que fica a apenas seis anos-luz da Terra (um ano-luz equivale a 9,46 trilhões de km).

“É nossa vizinha”, declarou à AFP o coautor do estudo Ignasi Ribas, do Instituto de Estudos Espaciais da Catalunha e do Instituto Espanhol de Ciências do Espaço.

Esta proximidade poderia permitir estudá-la com a chegada próxima de instrumentos de observação mais modernos.

O planeta, que completa uma volta em sua estrela em 233 dias, foi detectado graças aos espectrômetros HARPS e UVES, caçadores de planetas do Observatório Europeu Austral (ESO), instalado no Chile.

Segundo os pesquisadores, a Estrela de Barnard b tem uma massa 3,2 vezes superior à da Terra e portanto é chamada de “superterra”.

Para os astrônomos, trata-se de um “mundo frio e escuro”, iluminado apenas por sua estrela, uma anã vermelha provavelmente duas vezes mais antiga que o sol.

Mesmo sendo próxima a sua estrela (0,4 vezes a distância que separa a Terra do Sol), os cientistas acreditam que só recebe 2% da energia que a Terra recebe de sua estrela.

Sua temperatura de superfície não superaria -170ºC, o que exclui a existência de água em estado líquido e portanto, a vida como a conhecemos.

Os pesquisadores conseguiram detectar este novo mundo utilizando “mais de 20 anos de dados” e sete instrumentos de observação que permitem determinar as variações de velocidade da estrela gerados pela presença de um exoplaneta.

Mais  Coaf relata movimentação atípica de ex-assessor de Flávio Bolsonaro

A Estrela de Barnard b é o exoplaneta mais próximo à Terra depois de Proxima b, cuja descoberta foi amplamente noticiada em 2016. Este se encontra na órbita da estrela Proxima Centauri, a 4,2 anos-luz.

Fonte: Yahoo

Notícias parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *