seg. mar 18th, 2019

Ibrahimovic admite que pode voltar a Milão

O ponto sueco diz que os rossoneri o amam, mas ele não sabe para onde vai sua carreira; Ele lembrou de seu tempo em Barcelona e criticou Guardiola.

Zlatan Ibrahimovic admitiu sexta-feira uma interesse Milão nos seus serviços, mas o atacante sueco insiste ele não chegou a um acordo e ainda poderia comprometer-se a mais um ano na MLS com Los Angeles Galaxy.

O jogador de 37 anos está gerando muitos rumores de mercado depois de chegar ao final de sua temporada nos Estados Unidos, onde marcou 22 gols e o prêmio de Melhor Iniciante para a MLS.

Algumas informações indicam um possível retorno à Europa, e especula-se que San Siro é seu destino mais provável se ele finalmente mudar sua equipe.

De fato, Ibrahimovic admite que os rossoneri estão interessados ​​em sua contratação. Em declarações à ‘Vanity Fair’, ele disse: “Há um interesse, mas seria bom se eu passei um ano em Los Angeles Não é nenhum segredo que no Milan I interessados ​​Passei dois anos maravilhosos lá e não queria sair, mas eu ..” Forçado “ir a Paris.”

“Nós ganhamos coisas importantes, eu achei o artilheiro em um grande clube com uma grande atmosfera, e a velha guarda ainda estava lá, era um incrível grupo de jogadores, com quem tive a sorte de jogar e vencer.” Significa vencer na Itália, vencer é tudo “.

“Joguei pelos três maiores clubes da Itália: a Juventus, o Milan e a Inter de Milão me trataram bem: eu vim de Barcelona, ​​onde fiquei triste, mas o Milan sorriu de volta.

“Eu não vou dizer ‘não’ e não dizer ‘sim’. Vamos ver … (Gennaro) Gattuso foi um grande jogador e um grande treinador. Quando vejo os jogos do Milan, vejo como todos os jogadores amá-lo. Quando você ganha com pessoas como ele, e nós ganhamos o Scudetto e o Supercoppa juntos, é maravilhoso, eles foram bons momentos. “

Ibrahimovic, que deixou o Milan para ir a Paris em 2012 antes de se juntar ao Manchester United e ao LA Galaxy, também analisou sua má temporada com Pep Guardiola em Barcelona.

O polêmico atacante sueco criticou o atual técnico do Manchester City e reiterou que o treinador catalão fez de sua estadia no Camp Nou uma experiência esquecível. “Os primeiros seis meses foram muito bem, e então tudo mudou para pior”, disse ele.

“Guardiola teve um problema comigo, mas eu não queria encará-lo e não poderia mais ser eu mesmo. Com sua atitude, ele conseguiu me fazer duvidar de mim e de minhas habilidades. Claro, eu poderia ter feito melhor em termos de futebol, mas aprendi muito. Aprender e crescer é o sentido da vida “, 

Fonte: Onefootball

Notícias parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *