Menino quebra protocolos e brinca aos pés de Papa

O Vaticano presenciou uma situação inusitada nesta quarta-feira (28) durante evento na Sala Paulo VI. Wenzel Eluney, menino argentino de 7 anos, subiu ao palco, onde Papa Francisco estava, ignorou os seguranças, brincou e correu no entorno do pontífice.

O garoto estava sentado na primeira fileira, separada para famílias com pessoas doentes ou com alguma deficiência. A mãe rapidamente corre para pegar o menino, mas o Papa a impede e diz que se ele quer brincar, deve brincar. Ela comenta que eles são argentinos e que o filho não fala por ter um alto grau de autismo.

Papa Francisco brinca e diz ao prefeito da Casa Pontifícia, o arcebispo Georg Gänsweinque, que, por ser argentino, é normal que seja indisciplinado. Todos aplaudem e dão risada.

Depois, durante a saudação aos fiéis em espanhol, o pontífice utilizou a situação para falar sobre a liberdade perante Deus: “Este menino não pode falar, é mudo. Mas sabe se comunicar, sabe se expressar e tem uma coisa que me fez pensar: é livre. Indisciplinadamente livre. Quando Jesus fala que devemos ser como crianças ele diz que temos que ter a liberdade que uma criança tem diante do próprio pai. Acho que este menino fez uma pregação para todos nós hoje e peçamos a graça de que possa falar”.

Fonte: Yahoo

Sobre este editor

Maryone Azevedo
Minhas últimas notícias
Mais  Empresa chinesa oferece bonecas sexuais que falam para solteiros e idosos

Notícias parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *