Projeto de Marçal propõe ‘bueiros inteligentes’ em Dourados

A medida tem como proposta atender os novos loteamentos e empreendimentos imobiliários que surgirem na cidade, no entanto, a ideia pode ser ampliada para os demais bairros e região central

O vereador Marçal Filho propôs na Câmara de Vereadores projeto de lei que prevê a implantação de cestos coletores de detritos nos bueiros em Dourados. A medida tem como proposta atender os novos loteamentos e empreendimentos imobiliários que surgirem na cidade, no entanto, a ideia pode ser ampliada para os demais bairros e região central.

Conhecidos como ‘bueiros inteligentes’, os cestos coletores funcionam como um filtro e facilitam o trabalho de remoção e limpeza do lixo que fica acumulado. Ele evita que resíduos sólidos entrem no sistema de drenagem e venham a poluir o corpo receptor que recebe a água de chuva. A adoção desse sistema pode ser uma vantagem econômica, reduzindo a frequência de limpeza dos bueiros, além de evitar enchentes.

Os cestos coletores já estão presentes em várias cidades do País, como Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, e Dourados pode ser a segunda cidade a aderir ao projeto de sustentabilidade. O vereador Marçal Filho diz que ideias boas merecem ser copiadas. “As questões ambientais e o destino do lixo têm sido temas recorrentes em fóruns de debate, palestras e de grande preocupação dos gestores públicos no Brasil e no mundo. Várias prefeituras já utilizam o sistema de coleta de resíduos em bueiros, que reduz o acúmulo de lixo nas bocas de lobo e os alagamentos causados por esse problema”, explica o parlamentar.

Como um vereador não pode criar projeto de lei que gere despesas ao município, a proposta que Marçal apresenta na Câmara é que apenas os novos loteamentos passem a ser obrigados a terem o sistema coletor junto aos bueiros. Mas o parlamentar espera que a ideia sensibilize a Prefeitura, de forma que suportes para coletar o lixo sejam colocados, pelo menos, em regiões que já apresentam problemas com alagamentos durante forte chuva, como Jardim Pantanal, João Paulo II, Jardim Márcia, entre outros bairros.

Mais  MP quer que Aécio devolva R$ 11,5 mi por gastos em aeronaves do Estado

Infelizmente uma parte da população tem o hábito de jogar lixo nas vias públicas. Com a chuva, os detritos vão parar nos bueiros e surgem as enchentes. Marçal entende que se trata de uma situação de educação, mas que a simples adoção de coletores nos bueiros pode ajudar a resolver boa parte do problema. A facilidade de manutenção com o cesto coletor é que o lixo passa a ser retirado para o descarte correto. O Projeto de Lei de Marçal Filho ainda entrará para análise e posteriormente votação na Câmara Municipal.

Fonte: Dourados Agora

Notícias parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *